Sistema de Gradeamento para ETE Lavapés 2018

Publicado em 1 de julho de 2021

CLIENTE

A Sabesp é a responsável pelo fornecimento de água, coleta e tratamento de esgotos de 364 municípios do Estado de São Paulo. São 28,2 milhões de pessoas abastecidas com água e 22,1 milhões de pessoas com coleta de esgotos. Portanto, é considerada uma das maiores empresas de saneamento do mundo em população atendida. Em parceria com empresas privadas, a Sabesp atua também na Praia Grande – SP, além de ter parcerias com as concessionárias estaduais de saneamento dos estados de Alagoas e Espírito Santo. A empresa ainda realiza serviços de consultoria no Panamá e em Honduras. Além dos serviços de saneamento básico, a Sabesp está habilitada a atuar nos mercados de drenagem, limpeza urbana, manejo de resíduos sólidos e energia. A missão da Sabesp é ‘prestar serviços de saneamento, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida e do meio ambiente’. Visa ser reconhecida como uma empresa que universalizou os serviços de saneamento em sua área de atuação, de forma sustentável e competitiva, com excelência no atendimento ao cliente.
A Estação de Tratamento de Esgoto Lavapés contempla as bacias de esgotamentos formadas pelos Córregos Lavapés, Putim e Cambuí e atende as regiões centro, norte, oeste e sul do município de São José dos Campos. E também inclui as bacias dos córregos Vidoca, Senhorinha, Rosinha, Ressaca e Rio Comprido. O esgoto coletado nos bairros adjacentes a essas bacias é levado à ETE Lavapés, que opera pelo processo de lodos ativados com oxigênio puro. O lodo da ETE Lavapés é destinado para aterro sanitário. Essa operação teve início em 1998.

PROJETO

A Estação de Tratamento de Esgotos ETE de Lavapés, da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo – Sabesp, em São José dos Campos-SP, é uma instalação dimensionada e construída para atender até o ano de 2018 uma população de 212 mil habitantes, que deveria gerar esgotos com vazão máxima de 814 litros por segundo, representando uma carga poluidora total doméstica e industrial.
Essa estação é responsável hoje pelo tratamento de 45% do esgoto produzido pela cidade e possui um alto índice de automação, constituindo–se num modelo para demais ETEs da Sabesp. Suas instalações se compõem de equipamentos hidromecânicos e elétricos que são monitorados e controlados por um moderno sistema de supervisão e controle, em conjunto com o sistema de instrumentação do processo.

SOLUÇÃO

A SIGMA, por meio de uma análise crítica do problema, apresentou a solução de gradeamento através da Grade Mecanizada Inclinada Tipo Correntes, modelo GICO, que é um equipamento destinado à remoção de material sólido de um efluente e projetada para ser instalada em um canal de seção retangular por onde deve correr esse efluente.

REALIZAÇÃO

A fabricação e o fornecimento de soluções SIGMA contempla gradeamento tipo corrente com rastelos múltiplos para esgoto bruto e painel elétrico, tendo como objetivo principal a remoção de sólidos a montante das bombas da elevatória, no canal de entrada do esgoto, evitando desta forma riscos de ocorrências de avarias nas bombas da elevatória.

Os sólidos são transportados pelos rastelos, sendo descarregados por gravidade em uma rosca transportadora que conduz os sólidos até uma caçamba.

A grade tem uma inclinação de 80°, sendo controlada por temporizador e por sensor de nível, apresentando um espaçamento de 10mm, em que sólidos maiores ficam retidos e são transportado pelos rastelos.

Acionamento: composto por um moto-redutor de velocidades com motor elétrico tipo TFVE (totalmente fechado com ventilação externa), trifásico, isolamento classe F, grau de proteção IPW-55, categoria N da ABNT EB-120 e frequência 60 Hz.

Estrutura: componente que é formado por guias laterais (longarinas), placas mortas, rampa de entrada e rampa de saída. Na estrutura são montados os mancais superiores (tipo autocompensadores de esferas) que, também, têm a função de esticadores da corrente de translação, além das engrenagens inferiores com seus mancais e o acionamento/motorização.

Eixo Motriz: é do tipo maciço flangeado. Está montado no eixo oco/vazado do moto-redutor. Faz parte deste componente a ponteira, também com configuração maciça flangeada e está montada na extremidade oposta ao eixo motriz.

Precisando entrar em contato?

Nos envie um e-mail ou ligue: (11) 4056-6265